Cárcere

A saudade prende um ser a outro ser por ele querido;
prende de um modo que os seres sentem-se, de fato, perdidos;
mesmo estando sem rumo e por demais perturbados,
é possível sentirem-se próximos estando ainda afastados.

Pois a saudade é sentimento no peito guardado,
pássaro azul no quintal, engaiolado;
é vinho de festa por demais fermentado.
A saudade é também um cárcere.

..

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *