TEXTOS PLAGIADOS

Queridos leitores, amigos e visitantes deste blog.

Quando publicamos nossos textos e poesias na Web estamos sujeitos a tudo. Desde a admiração por parte daqueles que se identificam com nossas palavras até a indevida apropriação das nossas produções, o chamado: plágio.
Pois bem, graças ao apoio de alguns leitores, que têm se tornado grandes amigos e defensores de uma causa muito mais do que nobre, tomei conhecimento de que meus textos postados aqui no Crônicas de Afeto e no Eu e minhas palavras estavam sendo plagiados descaradamente – o que já foi uma ingrata surpresa.

Não bastasse os pregos nas mãos vieram os cravos nos pés – diversos textos em dois blogs, a saber: Fragmentos de Mim, (Cris) e Mente Brilhante Atrofiada (Carlos Eduardo).

Não entrarei nos méritos do plágio, pois esse é o assunto do próximo post!

Minha intenção não é denegrir a imagem dos respectivos donos dos blogs. Mas acima de tudo, luto por respeito e transparência!
Vejam a lista dos meus textos que foram plagiados por Cris, dona do Blog Fragmentos de Mim.

24 de Março de 2009
PLÁGIO: Fragmentos da minha alma
TEXTO ORIGINAL:
OUTRA VEZ

19 de Março de 2009
PLÁGIO: Uma viagem, o amor e a vida.
TEXTO ORIGINAL:
CADA VEZ MAIS ESSENCIAL

03 de Março de 2009
PLÁGIO: A Vida e suas esperas
TEXTO ORIGINAL:
O PRAZER DA ESPERA (Crônicas de Afeto)
O PRAZER DA ESPERA (Eu e minhas palavras)

16 de Fevereiro de 2009
PLÁGIO: Sonho, vida e uma colcha de retalhos
TEXTO ORIGINAL:
FALTA (Crônicas de Afeto)
FALTA (Eu e minhas palavras)

10 de Fevereiro de 2009
PLÁGIO: Nos dias de hoje…
TEXTO ORIGINAL:
O HOJE, O AMANHÃ E AS NOSSAS EMOÇÕES (Crônicas de Afeto)
O HOJE, O AMANHÃ E AS NOSSAS EMOÇÕES (Eu e minhas palavras)

05 de Fevereiro de 2009
PLÁGIO: Fragmentos de Mim
TEXTO ORIGINAL:
QUE MARCAS VOCÊ TEM DEIXADO?

14 de Janeiro de 2009
PLÁGIO: Fragmentos da minha alma
TEXTO ORIGINAL:
SE ESSE TEXTO FOSSE DE AMOR

Vejam a lista dos meus textos que foram plagiados por Carlos Eduardo, dono do Blog Mente Brilhante Atrofiada.

14 de Novembro de 2008
PLÁGIO: Tantas coisas
TEXTO ORIGINAL: TANTAS COISAS

PLÁGIO: Sobre amor e sobre amar
TEXTO ORIGINAL: SOBRE O AMOR E SOBRE AMAR

PLÁGIO: Falta
TEXTO ORIGINAL: FALTA

PLÁGIO: Que marcas você tem deixado?
TEXTO ORIGINAL: QUE MARCAS VOCÊ TEM DEIXADO?

PLÁGIO: O hoje, o amanhã e as nossas emoções
TEXTO ORIGINAL: O HOJE, O AMANHÃ E AS NOSSAS EMOÇÕES

PLÁGIO: Aos meus alunos
TEXTO ORIGINAL: AOS MEUS ALUNOS

O que vocês acham?

20 comentários sobre “TEXTOS PLAGIADOS

  1. Odele Souza disse:

    Oi Brunno,

    O que eu acho? Acho muito triste. Acho feio, desrespeitoso.É revoltante ver um trabalho nosso ser usado por outra pessoa sem que nos tenha sido dado o devido crédito. Uma frase que seja, se copiarmos de outra pessoa, há que mencionarmos a autoria. É o correto a fazer. Imagine no seu caso, que foram tantos os textos plagiados.O plágio é um atestado de incompetência intelectual.

    A atitude dessa pessoa foi vergonhosa e entendo sua revolta.

    Você tem o minha solidariedade e já linkei seu blog aos meus.

    Um abraço.

  2. Blog do Beagle disse:

    Olá, acho revoltante. Esse não é o primeiro caso de que tenho noticia. Na verdade, certa vez uma pessoa usou um post de minha autoria e escreveu sobre ele; usou minhas idéias e palavras, sem me dar crédito.
    Talvez fosse o caso de vc registrar em cartório todos os seus posts e assim, no caso de novo plágio, acionar a justiça. O caso é que nunca se sabe quem está do outro lado do pc… será que por meio do ip dá para descobrir o autor da façanha?
    Boa sorte e tenha minha solidariedade. Elza

  3. betty disse:

    Brunno

    Estou nessa luta com você. Assim como a Luci, fiz uma chamada para o seu post no meu blog.
    Quando as pessoas se unem em torno de uma causa boa e justa o mundo melhora consideravelmente.

    Eu também me sinto atingida com essa história, pois sempre prestigiei essa moça. Fiz todos os templates do Fragmentos de Mim, que ela mudou várias vezes, e até o título do blog foi sugestão minha. O “Arte em Fragmentos” na lateral do blog também era trabalho meu. Quando ela resolveu criar mais um blog, o Caminhando, fui eu quem fez o template. Nada disso foi feito profissionalmente, apenas por amizade e carinho.

    A decepção é enome.

    Um beijinho pra você.

  4. maristela disse:

    Brunno.Aqui na minha terra a gente diz que essa gente gosta de botar ovo no ninho alheio ou pedir esmola com o chapéu dos outros. É a pobreza real: de caráter, de imaginação, de respeito. É a preguiça mental acrescida da maldade de querer se promover às custas do trabalho alheio. Bote a boca no mundo, chute o balde, você tem todo o direito. O fundamental é isso: NÃO CALAR, porque calar é compactuar. E já tem gente demais na blogosfera e na vida real que age destas formas – uns parasitando, os outros vendo tudo e ficando quietos

  5. luzdeluma disse:

    Fiquei chateada e dei um update no meu post de hoje. Fui enganada, achava que lia algo original. Espero que eles coloquem a devida autoria ou deletem. Porém o prejuízo está feito. Moral não se compra na esquina. Beijus

  6. peciscas disse:

    O plágio é sempre odioso.
    No caso presente, penso que essa tal Cris já retirou os posts que referes pois não se consegue aceder às páginas que tens nos links. Como se sentiu desnascarada, fugiu…
    Nem sequer tem caixa de comentários aberta.
    Os plagiadores têm estes comportamentos.

  7. Janaina disse:

    Vim do blog de Grace,mas que absurdo isso.sabe o que você faz?Pesno da seguinte forma, é algo que dará um certo trabalho mas é válido.O mundo virtula é incontrolável, porém o impresso , a escrita nunca morrerá.Faça o seguinte:
    -Tudo o que você já escreveu e escreverá , imprima,salve num pen crive só para isso, em cd, compact disc, se arme de todas as formas para você se defender.
    -A parte escrita, registre num cartório ou no MEC(Ministério da Educação e Cultura).Essa parte uma pessoa, um profissional mais gabaritado lhe ajudar órientará melhor do que eu.
    Até me arrepiei.
    Um abraço, Paz e bem, tudo de bom, que absurdo.

  8. Sonia H. disse:

    Bruno,
    Lamento o que aconteceu. É horrível. Conheci o teu blog através da postagem de indignação escrito pela Grace Olsen das Crônicas do Frio.
    Sinceramente, é tão mesquinho. Ë desrespeitoso demais e que eu saiba plagiar é crime. E talvez algumas pessoas não tenham noção da dimensão do problema. Porém, o pior é saber que você lê um ótimo texto e depois descobre que a pessoa que diz ter escrito o texto na verdade o plagiou!
    Bem, pelo menos, de minha parte, adorei conhecer o teu blog e voltarei mais vezes.
    Um abraço,

  9. Crys disse:

    Vim lá da amiga Grace.
    Deus do Céu, acho que já comentei essa Cris, na verdade eram seus, os poemas, poesias etc… Assim como a Luma, me sinto enganada!
    É muita cara de pau!
    Se me plagiarei to lascada, sou meio desligada com essas coisas.
    Mas como dizia meu sábio pai, “Quem não tem competência, não se estabelece.”
    A máscara deles tinha que cair, caiu!
    Um abraço e boa sorte!

  10. Ângela Coelho disse:

    É uma pena que as pessoas se adonem das criações dos outros; é o mesmo que parir um filho e outra mulher dizer que é a mãe.
    Cheguei no teu blog por intermédio da Luci e amei, voltei outras vezes sem comentar. Mas hoje preciso te dar apoio, fizestes muito bem de divulgar o nome dos plagiadores.
    Beijos no teu coração.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *